Alma Eterna,

Hábil Olhar De Anjo Negro

18:20:00 Inominável Ser 1 Comments


Perscrustando o essencial,

Delimitando o grande anel circular

Das maravilhosas coisas amáveis

No Universo Negro,

Oh,

Gótico Ser de hábil olhar,

Como tu vasculhas as profundezas que

Em mim me fazem amigo

Dos Campos Belos

Do Grande Verbo Amar!


Ah,

Percrustes minha gigantesca alma

De bardo inominável

Nada romântico

A romantizar,

Esse vosso olhar

É o alto dedicado espaço

Do Alto de vosso

Ar!


Ah,

Perscrustes,

Perscrustes assim,

Perscrustes como quiser,

Meu possível

Romântico Ser,

Vá com o vosso

Hábil olhar

Muito além da beira

Do interior do meu mar,

Um mar que percorre

Tantos caminhos diversos,

Um mar que corre

Por tantas fluentes terras

Entre muitos instáveis desertos,

Um mar meu,

Mar De Inominável Ser

Que a nada diz

Adeus

Quando nascem dele

Possíveis Deuses!


Ah,

Perscrustes

Perscrustes

Perscrustes,

Com esse vosso hábil olhar,

Hábil Olhar

De Anjo Negro,

A Alma Eterna deste aqui

Que tenta a Existência

Romantizar,

Vagues pela Alma Eterna

Deste aqui que

Te toca nestes versos

Que simples correm

Neste virtual lar,

Conceda-te um adormecer

Na Alma Eterna

Deste aqui que

Te conquista com o peso

De uma leve lágrima

A cair...


Ah,

Caindo ela está,

Anjo Negro,

Anjo Negro

De Hábil Olhar,

Caindo a lágrima,

Que romantiza,

Está...


Ah,

Tu tocas em meu rosto agora,

Tocas como Anjo

Que Sabe Do Apaguar Da Vela

E Do Acender De Todas

As Velas,

Me promete findar

O lacrimejar

De bardo inominável

Que pode realmente estar

Aqui

A romantizar...


Ah,

Tocando Schraii,

E eu perscrustado por ti,

Anjo Negro,

Vosso hábil olhar me fazendo

Parar de chorar,

Vosso hábil olhar me fazendo

Um Espírito Inominável

Do Romance Do Seu

Hábil Olhar...


Inominável Ser

PERSCRUSTADO PELO

HÁBIL OLHAR

DO ANJO NEGRO

AQUI AO MEU ROSTO

A ACARICIAR




1 Românticos Aqui Se Revelaram:

Anjo Negro,

As Puras Cores De Um Anjo Negro

19:32:00 Inominável Ser 1 Comments


Cores no Universo Negro

E o Anjo Negro sorrindo

Sorrindo como Celeste Ser

A querer colorir

Todas as vastidões imensas

Dos Reinos que não possuem

Cores para fazerem sorrir

Anjo Negro a colorir

As imensidões dos túneis

Que então ao sorrir dela

Podem falar em Romantizar

E tornam-se a partir do mesmo sorrir

O Romance De Um Anjo Negro

Romance De Eva

A Eva que colore

Até os campos de todas

As malditas ervas

Transformando tudo em seiva

Que alimenta com altas energias

Os Filhos Dos Românticos Caminhos

Filhos que se ajoelham perante

A Angélica Beleza Gótica De Eva

Filhos que afirmam e reafirmar

O Angélico Belo Ser De Eva

Eva

O Anjo Negro

Anjo Negro Colorindo Todas As Esferas

Com o seu escorpiano celeste olhar

De Musa Gótica Do Grande Mar

Construindo castelos

Que reinam nos Impérios

Do Grande Romance Da Criação

Castelos habitados pelos

Anjos Negros Do Alto

Anjos Negros Do Alto

Como Eva Do Alto

Descida à Terra para apaziguar

Todas as sombras

Todas as cinzas

Todas as negritudes terríves

Da existência sem romances

Da maioria humana

E para fazer deste bardo inominável aqui

Um Anjo Negro Poeta

Que gosta do seu colorido

Em versos coloridos

Pelo bater das asas negras angelicais

Dela

Colorindo os espaços vazios

Colorindo os espaços solitários

Colorindo os espaços

De todas as Covas




1 Românticos Aqui Se Revelaram:

Deus Sol,

O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!

19:17:00 Inominável Ser 0 Comments


O Deus Sol,

A Deusa Crepúsculo,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amor Possível,

Amada minha de todos os rochedos

De todas as praias!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Cósmico Amor

Enobrecendo nosso calor de seres

Que abaixo estão ainda

De Deuses todos acima

Em Suas Altas Carruagens,

Carruagens que passam por nós

Quando juntos assistimos

Ao crepuscular finalizar fenomenal

Dos dias humanos

E um pouco ficamos a saber

Do Grande Iniciar Infinito

Do Grande Dia Da Criação!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Em teus pés,

Amada,

Meus lábios surgem,

Beijos como são

Os Beijos Cósmicos

Nos Pés De Deusas,

Beijos como são

Os Beijos Cósmicos

Nos Pés Das Sereias,

Beijos como são

Os Beijos Cósmicos

Nos Pés Das Ninfas,

Beijos como são

Os Beijos Cósmicos

Nos Pés Das Musas,

Beijos como são

Os Beijos Cósmicos

Nos Pés Das Eternas Amadas!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Aos teus pés,

Amada,

Meu colher de flores

Nos Jardins Românticos

Do Deus Sol,

Meu plantar de flores

Nos Jardins Românticos

Da Deusa Crepúsculo,

Meu Todo De Solares

Carinhos,

Meu Nada De Crepusculares

Idas,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo,

Permaneço contigo!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Todo crepúsculo crescendo,

O Sol nós realizamos

Nos rochedos todos de nossas

Verdadeiras Praias,

Viajantes do Romance Dos Praieros

Somos,

Pegamos um pouco do

Romance Dos Peregrinos,

Sabemos um tanto do

Romance Dos Pergaminhos,

Temos tudo

Do Romance Dos Espíritos,

Somos Filhos

Do Romance Dos Caminhos!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Amada,

Grande Loba Crepuscular,

Romantizamos ao cairem

Os sóis,

Romantizamos ao caírem

Os crepúsculos,

Somos os nossos

Amorosos sóis,

Somos os nossos,

Amorosos crepúsculos,

Ao Erguer

Do Grande Dia,

Ao Erguer

Da Grande Tarde,

Ao Erguer

Da Grande Noite!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


O Kosmos E O Sol,

O Kosmos E O Crepúsculo!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Nós E O Kosmos,

Nós E O Sol,

Nós E O Crepúsculo!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!


Nós No Kosmos,

Nós No Sol,

Nós No Crepúsculo!


O Cósmico Amor Dos Crepúsculos!




0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Graal,

Sentidos Da Amorosa Tarde Eternizante

18:24:00 Inominável Ser 0 Comments


Folhas de detalhes nas folhas das árvores,

Tarde outunal sensata,

Tarde outunal exata,

Tarde outunal resgatando as puras paisagens

Das internas florestas minhas

De lindas mensagens...


As internas florestas minhas,

Aonde plantadas estão as árvores

De um amor dedicado a uma dama

Que apenas surge em todas

As tardes outunais...


O que seria das tardes outonais

Sem o surgir da dama

Que amo?


O que seria das tardes outunais

Sem o beijo da dama que amo

Diante do altar que acolhe

Toda folha a cair

Das árvores que me carregam

Para longe dos meus ais?


Como,

Senhor Outonal,

Ela pode deixar de vir?


Como,

Senhora Outunal,

Permites que sejas assim?


Não,

A Tarde Cósmica zela por todas

As tardes outunais

E a dama que se ergue sempre

No zênite de meus passeios

Pelos meus internos caminhos florestais

Vai surgindo dançante

Por sobre as folhas

De belas e muito mais antigas do que eu

Vestes de antigas folhas

Em meus caminhos outonais!


A dama dançante,

Pegando-me nas mãos diante do espaço todo

Do rotundo poder a girar das florestas

Que hão em nosso amor,

Amor de nobres buscadores

De um Graal Romantizador,

O Graal Dos Grandes Romances,

O Graal Dos Verdadeiros Romances,

O Graal Dos Sagrados Romances

Da Criação!


Nós nos amamos nas tardes outonais,

Nós nos amamos buscando

A Grande Tarde Da Criação,

A Tarde Dos Verdadeiros Tempos,

A Tarde Dos Verdadeiros Centros,

A Tarde Dos Verdadeiros Mundos,

A Tarde Dos Verdadeiros Universos,

A Tarde Das Verdadeiras Criações!


Nós nos amamos nas tardes outonais,

Ela me concede o prazer

De ser outonal,

Ela se concede o prazer

De tornar o todo em nosso redor

Uma Manifestação Da Tarde Outonal,

A Grande Tarde Que Conduzimos

Ao Som Das Celestes Harpas

Dos Arcanjos Do Verdadeiro Amor!


Cem mil anos de três em sete redutos

De tardes outonais,

Eu,

Ela,

Outono Universal!


Dez milhões de anos em cinco de nove

Redutos

De tardes outonais,

Eu,

Ela,

Outono Das Esferas!


Infinitude de números que ainda existirão

Nos redutos

De tardes outonais,

Eu,

Ela,

Outono Das Primaveras!




0 Românticos Aqui Se Revelaram:

A Noiva Inominável,

A Noiva Dançante Em Meu Ser

21:08:00 Inominável Ser 0 Comments


Oriento-me em uma gigantesca roda,

Roda de poucos sonhos ainda estando aqui,

Aqui neste meu Espírito de bardo inominável

Mui infeliz...


Oriento-me e oriento,

Qual guardião de alguma busca minha por

Algo mui feliz,

A minha Dança Da Infelicidade...


Oriento-me,

Oriento,

De repente uma noiva perto de mim

Dança e me faz até sorrir...


Que noiva é esta?


Que tipo de noiva é esta?


Por que esta noiva?


Quem é esta noiva dançante

Aqui perto de mim?


Quem é a noiva?


Alguém que partiu de mim?


Alguém que caiu em mim?


Alguém que ficou em mim?


A noiva,

A Noiva,

Vai dançando nas sombras mais amorosas

Que podem aqui em mim haver...


Noiva Dançando

Noiva Dançando

Noiva Dançando

Noiva Dançando...


Me pergunto se Ela dança para mim,

Me pergunto se A Dança Dela é para mim,

Me pergunto e me vejo dançar,

A Dança É Dela o meu lar...


Danço com A Noiva

Danço com A Noiva

Danço com A Noiva

Danço com A Noiva!


Caso-me com Ela!


Caso-me em mil cerimônias

Com Ela!


Caso-me em todas as cerimônias

Com Ela!


Caso-me

Caso-me

Caso-me

Dançando!


Qual a data do casamento?


Tu me perguntas

A data do casamento?


Tu aí me perguntas,

Leitora virtual,

Leitor virtual,

A data do casamento?


Romantizem as vossas Existências,

Vejam A Noiva Dançar,

Então todos vós sabereis

Do Verdadeiro Casar...


Dancem Com A Noiva

Dancem Com A Noiva

Dancem Com A Noiva

Dancem Com A Noiva!


Em Vossos Seres Dançantes

Em Vossos Seres Dançantes

Em Vossos Seres Dançantes

Em Vossos Seres Dançantes!


Ficarão aí parados

Ou com Ela,

A Noiva Inominável,

Dançarão?


Inominável Ser

DANÇANDO COM

A NOIVA INOMINÁVEL

A SUA

DANÇA INOMINÁVEL




0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Ariadne,

Os Draconianos Fios De Cabelo De Ariadne

19:14:00 Inominável Ser 1 Comments


A cada fio de cabelo de Ariadne

O Respirar Do Dragão...


A cada milímetro dos fios de cabelo

De Ariadne Draconiana

O Voar Do Dragão...


A cada balançar dos fios de cabelo

De Ariadne Musa Draconiana

O Ser Do Dragão...


Cada fio de cabelo

O cabelo de Ariadne

Quero beijar em lenta passagem

Dos Sóis Reais Da Eternidade

Sós na Dança Da Imortalidade

A Dança Do Romance Do Dragão

Dragões Se Amando

Dragões Se Amando

Dragões Se Amando!


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Draconiana Ariadne

Ariadne Draconiana

Musa Draconiana

Musa Ariadne

Deixai-me ser diante de ti

O Mago Inominável

Que abre Os Portões

De todos os labirintos

De vossa Draconiana Alma

Ou

Me deixe pelo menos

Tecer A Poesia Imortal

Que dedicarei à

Vossa Draconiana Alma

Através de cada beijo meu

Em cada fio dos cabelos seus!


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Estou em teu olhar

Estou em teu Ser

Estamos aqui nesta Terra

Estamos aqui neste Mundo

Somos De Outras Terras

Somos De Outros Mundos

Tu fostes para mim

Tu és para mim

A Ariadne Dos Campos Celtas

A Dama Corajosa Que

Beijava A Pele Do Dragão

E eu fui para ti

O Cavaleiro Nobre

Filho Do Dragão

Que te acompanhava

Aos Passos Da Deusa

Em Todos Os Passos Da Deusa

Em nossa terra

E os fios de seu cabelo

Eu beijava

E os fios de seu cabelo

Eu beijava

E os fios de seu cabelo

Eu beijava!


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Os draconianos fios de cabelo

De Ariadne...


Beijemos agora

A Pele Do Dragão!


Beijemos como eu vou

Beijar um dia

Os seus draconianos cabelos...


Respiremos agora

Junto com

O Dragão!


Respiremos como eu vou

Um dia respirar o nobre ar

Junto aos seus draconianos cabelos...


Dancemos agora

Junto com

O Dragão!


Dancemos como vamos dançar

Juntos um dia

E eu estando atado aos seus

Draconianos cabelos...


Celebremos

O Fogo Sagrado De Beltane

Aos Olhos Do Dragão!


Celebremos como vamos celebrar tudo

Juntos um dia

E eu feliz tocando seus

Draconianos cabelos...


Separemos

O Trigo Da Terra

Aos Pés De Gaia

E Nos Alimentemos Do Trigo

Aos Olhos Do Dragão!


Separemos como vamos separar tudo

Juntos um dia

E eu unindo meus lábios aos seus

Draconianos cabelos...


Ergamos

O Altar Da Alta Magia

De Nossas Fontes De Poder

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

E Evoquemos

O Grande Dragão Que Romantiza

Por Toda A Criação

Pelos Universos

Pelos Mundos

Pela Terra

Em Nós

Nos Reunindo

Nos Unindo

Nos Aproximando!


Ergamos como ergueremos tudo

Juntos um dia

E eu romantizando os seus

Draconianos cabelos...


Inominável Ser

DRACONIANAMENTE

DESEJANDO

CADA DRACONIANO

FIO DE CABELO

DE ARIADNE




1 Românticos Aqui Se Revelaram: