A Senhora,

Um Anjo Negro E A Senhora

22:25:00 Inominável Ser 0 Comments


Diante de um mundo soberano

no qual eu estou

a construir uma

romântica eterna história

chega-me ao Ser

O Anjo Negro

E A Senhora


Das terras lusitanas

vem a Bela Eva

A Bela Anjo Negro

Filha Da Senhora

A Senhora Do Mundo

A Senhora Eterna

A Grande Senhora


Eva Anjo Negro

toma conta de seus ares

e alça vôos

em direção ao

Coração Noturno

Que Ama Os Filhos

Da Grande Noite


Na Romântica Paisagem Noturna

Anjo Negro Eva alcança

O Coração Da Senhora

a menina se torna mais

linda do que a aurora

a menina cresce em beleza

mais do que a Luz Cósmica


Anjo Negro Eva voa

Anjo Negro Eva voa

Anjo Negro Eva voa

elevando meus olhos

aos Encantos Noturnos

de uma onda de

Amores Noturnos Inomináveis


Anjo Negro

A Eva Da Grande Noite

A Filha Da Senhora

Bela Menina

Bela Mulher

Bela Filha Da Terra

Bela Eterna Romantizada


Anjo Negro

A Eva que romanticamente

pousa aqui diante deste

romântico mundo

de muitos habitantes conhecidos

no humano mundo de poucos

românticos habitantes


Anjo Negro

A Eva Da Gênese

Do Romance Noturno

chegou aqui

abraça-me n'alma

beija-me n'alma

impera n'alma minha


Anjo Negro

A Eva Da Senhora

chegou aqui

trazendo as flores

dos Jardins Noturnos

beijadas por Anjos Negros

como ela


Anjo Negro

A Eva Mais Bela

chegou aqui

está aqui

aqui

aqui

em meu romance d'alma


Anjo Negro

A Eva Do Alto

dançante em redor

da Fogueira Noturna

romanticamente dançando

romanticamente sorrindo

romanticamente voando


Anjo Negro

Eva

Eva

Eva

Eva

Eva

Eva


Anjo Eva

Anjo Eva

Anjo Eva

Anjo Eva

Anjo Eva

Anjo Eva

Anjo Eva


Anjo

Anjo

Anjo

Anjo

Anjo

Anjo

Anjo


Inominável Ser

FELIZ PELA PRESENÇA

DA ANJO NEGRO EVA

E DA SENHORA







0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Cânticos D'Amor,

Sou Indígena A Proteger-Te!

12:19:00 Inominável Ser 0 Comments


Deusa linda

Das Fontes D"Amor,

Sou um indígena

Da Tribo Inominável

Dos Sonhos Luzidios

D'Amor

A proteger-te com

Os carinhos todos

Do meu alado

Coração d'amor

Bem ocultado

Nas razões emotivas

Da minha

Emocional razão!


Tenho flechas,

Flechas várias

De amorosas pontas,

E cada uma atinge

A vossa Alma Eterna,

Ó,

Esplendorosa mulher

Cujos cabelos são

Como as lendárias

Redes Amorosas

Da Deusa Afrodite

A envolverem

Os demais indiígenas

Do outrora

Da Terra!


Deusa Dos Lagos,

Deusa Dos Rios,

Deusa Alta

Do indígena que

Sou,

Deusa Alta

Deusa

Do Indígena Inominável

Que Eu Sou,

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Umedeças

Esta Romântica Alma

De Bardo Inominável

De Tribo Inominável

Com A Alta Água

Que Revela

O Alto Gosto

Do Saber Do Amor!


Protejo-Te,

Protejo-Te

Da ruína humana

Dos humanos dias

Aromanticamente

Aromáticos

Aguardentes

De casa apodrecidas

Em canas desérticas,

Eu fundo Tribos

Para Ti

Com os meus versos

De guerreiro vencedor

De Tribos inimigos

Do Verbo Amar,

Verbalizo em danças

Em redor

Do Fogo D'Alto Amor

As Palavras Da Verdade

Do Romântico Kosmos

Acima De Nós

E Em Nós!


O Kosmos indica

O Indígena Inominável

Que Eu Sou,

Ah,

Como Ele indica

Fazendo com que eu

Lhe proteja,

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Das Águas Cósmicas

Das Potências Geradoras

Dos Amores De Todos

Os Deuses

Do Alto Amor!


Sigo

A Tribo Inominável,

Deusa De Românticas

Águas!


Sigo

A Vossa

Romântica Tribo,

Deusa De Românticas

Cósmicas

Águas!


Sigo

A Vossa

Romântica Tribo,

Deusa De Românticas

Cósmicas

Indígenas

Águas!


Façamos O Retorno

Dos Indígenas Eternos

Traçando

Cânticos D"Amor

Nas Aldeias Cósmicas

De Toda A Criação

Por Todos

Os Mundos

E Por Todos

Os Universos,

Ó,

Ah,

Oh,

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Deusa

Cósmica

Das Águas Todas

Do Grande Mar!


Inominável Ser

INDÍGENA PROTETOR

DE UMA

ROMÂNTICA

DEUSA CÓSMICA

DO GRANDE MAR












0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Alto Amor,

Para Magdalena Do Eterno Amor D'Alma Da Criação

11:38:00 Inominável Ser 0 Comments


Uma flor eu trazia do imenso mar que nasceu das lágrimas de Tétis, A Titanide, quando da Queda Dos Deuses Olímpicos na Idade De Lata que ora neste mundo aqui está. Tive rompantes de profecias, Vi as maravilhas e as decadências, amei, Amo, as maravilhas e as decadências... Romanticamente, meus trinta e um mil e dois anos de idade terrestre recompensados são em odes aos meus Romances. E uma ode a uma Mulher Imortal, a uma das milhares e milhares que meus braços já tocaram, cujo perfume imortalmente jaz em recantos imortais d'alma minha, vou erguer neste Romântico Portal. Para Magdalena, não a discípula de Ieshua, para Magdalena de algum sobrenome mortal e todos os Não-Nomes Imortais.


Presente Da Deusa

Imortalidade,

Beleza Das Altas

Coisas Reais.


Magdalena,

Querida Flor

Do Leito

Do Alto Amor.


Possante Princesa,

Lânguida Imperatriz,

Ser De Certeza

Do Ouro E Marfim.


Magdalena,

Finíssima Vestimenta

Das Estrelas

E Das Constelações.


Filha De Tétis,

Titanide Imortal

Que Rege

O Sonhar Imortal.


Magdalena,

Cósmica Senhora

De Amáveis

Laços Imortais.


Filha De Ondas

Do Grande Mar

Que Transcendem

O Cósmico Lar.


Magdalena,

Realizadora Toda

Da Oferta De Delícias

Do Desprendimento Total.


Glória Do Alto,

Glória Do Um,

Santa Sábia,

Deusa Do Alto Amor!


Magdalena,

Humana Que Se Elevou

Qual Beatriz De Dante

No Alto Da Rosa!


Despertar De Louvores

Ao Um,

Desperta Senda

De Louvor Uno!


Magdalena,

Amorosa Criança,

Amorosa Mulher,

Mulher Eterna!


Dignidade Das Orações

Que Se Fazem Diante

Das Portas Cálidas

Do Útero Do Um!


Magdalena,

Magdalena,

Magdalena,

Teu Útero É O Um!


Magdalena,

Magdalena,

Magdalena,

Teu Útero É O Um!


Magdalena,

Magdalena,

Magdalena,

Teu Útero É O Um!


Que Eu Renasça

De Teu Útero

De Amor Alto

De Alto Amor!


Que Todos Os Poetas

Renasçam Sublimes

Do Teu Útero

De Um Amor!


Que Todos Os Seres

Renasçam Românticos

Do Teu Útero

Que É Todo Um Amor!


Abro um instante para um breve poético descansar, lágrimas dos meus olhos estão a brotar, mas romanticamente, por Magdalena, ao invés de chorar em uma cama tenho que continuar a romanticamente poetizar as maravilhas e as decadências que nesta Existência e em todas as Existências minhas estou a Amar...


Inominável Ser

PARA MAGDALENA

DE ALGUM SOBRENOME

MORTAL

E DE TODOS

OS NÃO-NOMES

IMORTAIS







0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Alto Lago,

A Uma Hora De Vossos Celestes Lábios...

03:01:00 Inominável Ser 0 Comments


São horas aturdidas,

são horas turbulentas,

mas estou a uma hora...

é,

estou a uma hora...

é,

eu estou

a uma hora...

sabendo de muito,

amor meu,

estou a uma hora

de vossos lábios...

o intenso breu

da Grande Noite,

trazendo

A Dança Do Velho

Coberto De Chagas

E Envolto Em Palhas,

está a dizer-me,

morena amor meu,

que estou

a uma hora

de vossos lábios,

de vossos celestes

lábios...

não há assassinos

aqui,

não há ladrões

aqui,

há apenas sinos,

há apenas missões,

Os Sinos

Do Celeste Amor,

As Missões

Do Celeste Amor...

o Relógio conta...

Aquele Relógio

conta...

O Relógio Da Eternidade

conta,

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

uma hora

...

...

...

a uma hora...

a uma hora...

a uma hora...

de vossos celestes

lábios,

morena,

meu amor,

amor meu,

celeste morena,

celeste amor,

celeste senhora

de carnudos lábios

que me darão

as visões

do Alto Lago...

a uma hora...

a uma hora...

a uma hora...

digo amém

neste Celeste Romance,

oro aos meus

Deuses Românticos

para que a hora

se aproxime,

para que seus

celestes lábios

dos meus

nada românticos

lábios

se aproximem...

a uma hora...

a um hora...

a uma hora...


Inominável Ser

A UMA HORA

DOS CELESTES

LÁBIOS

DA CELESTE

MORENA

QUE ELE AMA







0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Altos Anjos Do Amor Universal,

Da Grande Luz Do Grande Sol Dos Romances Refletido Em Teu Mágico Rosto Solar

00:16:00 Inominável Ser 0 Comments


Deuses Solares Reinam

Nas Vestes Puras

Das Uniões Dos Amores

No Cerne

Do Um


Ali Adiante Vejo

As Jovens Pálidas

De Pureza Infinita

Divagando Sobre

A Carne Do Um


Ali Adiante Ouço

A Soberana Canção

Dos Altos Anjos Do Amor

Enaltecendo A Dignidade

Do Cerne Do Um


Mais Adiante

Eu Te Vejo

Solar Criatura Feminil

Que Habita Os Meus

Sonhos A Mil


Mais Adiante

Eu Te Ouço

Em Sussurros

Solar Criatura Feminil

Para As Atmosferas

Dos Romances Mágicos


Te Dou A Flor

Que Colhi No Jardim

Dos Românticos Abraços

E A Coroa Da Deusa

Do Alto Jardim

Que Me Foi Presenteada


Te Dou A Palavra

Do Verbo Existencial

Da Minha Alma

Exercendo A Dádiva

Das Minhas Asas

Mais Altas


Agora Estou

Em Teu Solar Coração

E É Tão Quente Assim

Essa Sua Chama

De Razão Solar

Cheia De Ação


Agora Estou

Em Teu Solar Corpo

E É Fogo Criador

Da Senda Do Alto Amor

Toda Curva Tua

Dourada Com Ardor


De Tua Alma

Recebo O Alto Calor

Que Romantiza

Minha Alma Solar

Amante Da Saturniana

Cova Exemplar


De Tua Eternidade

Romanticamente

Eternidade

Recebe Os Ocultos Sóis

Revelando A Essência

Da Verbalidade Solar


Teu Rosto

Oh O Teu Rosto

Oh O Teu Rosto

Teu Rosto

Vem A Ser A Plena

Reflexão Solar


Teu Rosto

Reflete Todo

A Grande Luz

Daquele Grande Sol

Dos Romances

Que Povoam Os Certames

Da Criação


Teu Rosto

Reflete Todo

Cada Luz Solar

Da Romântica Força

Que Move Os Seres

Na Execução Positiva

Do Verbo Amar


Teu Rosto

Reflete Todo

A Magnitude Solar

Da Romântica Luz

Que Molda A Latitude

E A Longitude

Dos Horizontes Do Amar


Teu Rosto

É Aquele Grande Sol

E Suaviza Meu Rosto

Enferrujado De

Bardo Cansado

Que Sorri E Chora

Presenciando-Te Brilhar


Teu Rosto

É Aquele Grande Sol

E Banha Meu Rosto

De Homem Pueril

A Poetizar

De Luzes Perfeitas

Ao Longo Do Alto Mar


Teu Rosto

É Aquele Grande Sol

E Acarinha Meu Rosto

De Ser Inominável

A Te Adorar

Como A Deusa Solar

Do Verdadeiro Amar


Inominável Ser

APRECIANDO

NO ROSTO

DA DEUSA SOLAR

DO VERDADEIRO AMAR

O GRANDE SOL

DOS ROMANCES

QUE O MESMO

É






0 Românticos Aqui Se Revelaram: