Antigos Tempos,

A Tua Imagem No Mágico Espelho Encantado Das Infinitas Idades

23:04:00 Inominável Ser 0 Comments


A Magia Eterna

D'Amor

Recobre As Eternas

Planícies

Das Eternas Magias

De Tempos Antigos

Em

Antigos Tempos

De Dúvidas Encerradas

Aos Beijos Solares

E Aos Beijos Lunares


Pelos Meus Braços

De Tantos E Tantos

Corpos

Em Milênios De Idades

Passaram Deusas

Altas Deusas

De Altas Imensidades

Que Eu Amei

E Que Me Amaram

Sem Se Importarem

Com A Externa Aparência

De Minha

Humana Roupagem


Continua Apenas Uma

Dentre Todas

Apenas Uma Deusa

Que Refletida Fica

No Espelho Das Eras

Um Espelho De Magia

Mágica De Espelho

Encantado

Que O Deus Cronos

Celebra Como

O Espelho Da Temporal

Verdade


Nele

Eu Te Vejo

Deusa Que Ficou

Em Mim

Eu Te Vejo

Como Tu És

Tanto No Ontem

Das Montanhas De

Xamaran

Quanto No Hoje

Das Montanhas De

Sadur

E Amanhã

Nas Montanhas De

Ysrak


Te Vejo

Deusa Que Ficou

Sendo Aquela

Que Olha Por Mim

Com Sincero Amor

Sendo Aquela

Que Ora Por Mim

Diante Do Ancião

Que Me Guia

Com Intenso Sincero

Atemporal Amor

Sendo Aquela

Que Se Lembra

Do Calor Dos Beijos

D'Alma Minha

Em Tua

Divina Eterna

Alma


O Infinito Nos Dá

A Tessitura Perfeita

Que Nos Liga

Ele É O Pai

Que Não Finda

A Iniciadora Senda

De Nosso Amor

Deusa Que Ficou

E Diante Dele Passamos

As Horas Diurnas

E As Horas Noturnas

Nos Beijando

Em Frente

À Fogueira Dos Tempos

Que São

Em Nossas Mãos

Tão Pequenos

E Pulverizáveis


Sou Um Não-Deus

Romântico

Que Aqui Ficou

Junto A

Não-Deuses

Românticos

Que Aqui Ficaram

E Tu

Deusa Que Ficou

Reencontro

No Triângulo Sagrado

Do Corpo D'Amor

Do Temporal Leito

Serpentino

Das Infinitas Idades


Inominável Ser

PARA

A DEUSA DELE

QUE FICOU







0 Românticos Aqui Se Revelaram: