Amores Noturnos Inomináveis,

A Noturna Dama A Oferecer-Me A Noturna Maça

19:14:00 Inominável Ser 0 Comments


Estava tudo nublado,

era um campo alto,

meus olhos regados

pelas lágrimas do lago.


O lago meu de dores

assumiu as cinzentas cores,

naquele nublado noturno lar

encarei noturnas flores.


Nublado estava lá,

nublado em meu Noturno Lar,

quando de repente Ela

chega para me acarixciar.


A Noturna Maça na mão esquerda,

os olhos tristes em certezas,

certezas típicas dos Filhos

Da Noturna Natureza.


A Noturna Dama chegou assim

naquele campo nublado,

me arrisquei a dizer-lhe

palavras do Alto.


A Noturna Dama calou-me os lábios,

cortou um pedaço da maça

com um punhal recebido das Mãos

da Deusa Hecate Amando.


A Noturna Dama pôs em meus lábios

o pedaço cortado do Noturno Tesouro,

mastiquei a maça,

Ela beijou-me com ardor.


Eu e a Noturna Dama nos beijamos,

as noturnas horas não passavam,

esteve tudo tranquilo,

esteve tudo parado...


Eu e a Noturna Dama nos beijamos,

nossos corpos cairam na

noturna relva do noturno campo,

as noturnas horas não passando...


Não,

A Grande Noite não colhe pecados,

eu e Ela fomos pagãos amantes

naquele noturno campo nublado...


Inominável Ser

DIGERINDO AINDA

A NOTURNA MAÇA

DA

NOTURNA DAMA







0 Românticos Aqui Se Revelaram: