A Deusa,

A Sagrada Deusa Do Romance Das Águas Da Criação

08:27:00 Inominável Ser 3 Comments


As Águas Da Criação,

Amantes Que São

Da Universal Canção

Tecem Honras

A Uma Deusa Nascida

De Suas Ondas

E Que A Cada Correnteza

Renasce Ao Longo

Do Poder Do Amor

no Coração De Todas

As Coisas!


Ela É

Ivana!


Ela É

Lou!


Ela É

Cristina!


Ela É

Hellena!


Ela É

Juanita!


Ela É

Amber!


Ela É

Toda Mulher,

Fruto Que Esta É

Das Águas Do Grande

Mar,

O Grande Mar,

Ó,

O Grande Grande Grande

Mar

Realizador De Amores

Ao Longo Das Redes

Cósmicas!


Ela É

Aquela Que Nada

Nas Paixões!


Ela É

Aquela Que É Peixes

Nas Paixões!


Ela É

Aquela Que Banha

As Paixões!


Ela É

Aquela Que É As Marés

Das Paixões!


Ela É

Aquela Que É A Onda

Da Paixão Do Amor!


Ela É

Aquela Que É O Maremoto

Do Amor Da Paixão!


Ela É

Aquela Que É O Tsunami

Do Uno Amor!


Nada,

Ela Nada,

Nada

Nada

Nada

Nada

Nada

Nada

Nada

Nada

Nada,

Marítima Criança

Que Inocentemente Banha

Amantes E Amados!


Nadar,

Nós Estamos A Nadar

Com Ela,

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar

A Nadar,

Somos Marítimas Crianças

Que Inocentemente Nadam

Nos Oceanos Do Amor!


Há Festa No Grande Mar,

Uma Deusa Amando

Os Que Amando Nadam

Em Direção Ao Um

Está A

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar

Nadar!


Ela Nada Em Direção

Ao Grande Esposo

Repousante E Girante

No Centro Do Grande Mar,

Aquele Gigantesco

Movimento Circular

Cujas Águas Moldam

Todo Amor Que Move

As Estrelas Da Razão

E As Estrelas Do Coração

De Cada Ser

Na Criação!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


NADEMOS EM DIREÇÃO

AO GRANDE

ESPOSO!!!


E Nos Juntemos

Ao Uno Mar

E Ao Seu Romance

Ímpar!


Inominável Ser

ROMANTICAMENTE

A NADAR

EM DIREÇÃO

AO GRANDE ESPOSO







3 Românticos Aqui Se Revelaram:

Deus,

Do Romance De Deus

08:17:00 Inominável Ser 0 Comments




Quicquid est in Deo est, et nihil sine Deo

esse neque concipi potest.”


Tudo o que existe, existe em Deus, e sem Deus,

nada pode existir nem ser concebido.”


Baruch de Espinosa



Deus Romantiza,

sejamos amigos de

Deus,

sejamos verdadeiros amigos

de Deus.


Deus Romantiza,

toda flor é parte

do Romance De Deus,

todo céu iluminado

é O Romance De Deus.


Deus Romantiza,

namorados cumprem

A Palavra Do Romance

De Deus,

são pombos voando

em direção a Deus.


Deus Romantiza,

amantes cumprem

A Palavra Do Romance

De Deus,

são águias elevando-se

às Montanhas De Deus.


Deus Romantiza,

os matrimônios cumprem

A Palavra Do Romance

De Deus,

são realizadores da abertura

do Útero De Deus.


Deus Romantiza,

Seu Espírito

É O Amor,

Deus É

O Verdadeiro Amor,

O Verbo Amor.


Deus Romantiza,

os Portões são

abertos,

os Paraísos são

reconquistados,

A Paz De Deus Realizada.


Deus Romantiza,

os Campos estão

floridos,

os Sonhos são

realizados,

A Mão De Deus Agindo.


Deus Romantiza,

os Templos são

habitados,

os Cultos são

conjugados,

A Mente De Deus Agindo.


Deus Romantiza,

o Tabernáculo é

aberto,

o Sacerdote é

introduzido,

A Salvação De Deus Agindo.


Deus Romantiza,

Deus está

nos Amores Diurnos,

nos Amores Noturnos,

nos Amores Eternos,

nos Amores Reais.


Deus Romantiza,

Deus está

em nossos dias de amor,

em nossas noites de amor,

em nossos eternos amores,

em nossos reais amores.


Deus Romantiza,

Deus está

nos dias de amor dos poetas,

nas noites de amor dos poetas,

nos eternos amores dos poetas,

nos reais amores dos poetas.


Deus Romantiza,

Deus está

nos meus

Amores Diurnos Inomináveis,

nos meus

Amores Noturnos Inomináveis.


Deus Romantiza,

Deus está

no meu

Eterno Amor inominável,

no meu

Real Amor Inominável.


Deus Romantiza,

e se eu sou

romântico bardo

é porque em minha

eterna alma a Ele oferecida

tenho-O Em Glória.


Deus Romantizo

quando cada poeta

romanticamente tece louvores

aos verdadeiros amores

presentes na Terra

e no Kosmos.


Deus Romantiza

quando eu bardo inominável

romanticamente teço louvores

aos verdadeiros amores

em mim presentes

através do Kosmos,


Deus Romantiza

em cada uma das vossas

eternas almas,

basta amar,

basta apenas amar,

basta simplesmente amar.


Deus Romantiza

e lhes diz:


CONHECEREIS MEU

VERDADEIRO NOME

QUANDO AMARDES

AO FOGO QUE EU SOU

DIANTE DO SANTUÁRIO

DE VOSSAS ALMAS.

EU QUEIMO E SOU

AQUELE QUE ACENDE

A AMOROSA FOGUEIRA

QUE GIRA PRESENTE

EM VOSSAS INTERNAS

FORTALEZAS.

EU QUEIMO E SOU

O AMADO PRESENTE

NO CORAÇÃO DOS AMANTES

DA MINHA BELEZA.

EU QUEIMO E SOU

A AMADA REALIZADA

COMO MUSA DESEJADA

PELOS QUE BEIJAM MEUS

LÁBIOS EM CHAMAS.

EU QUEIMO E SOU

VOSSO CRIADOR

E EM MIM VOSSAS ALMAS

AMAM

E LONGE DE MIM

NÃO HÁ COMO CONCEBER-SE

O AMOR.

CONHEÇAM- ME,

EU SOU AQUELE

QUE É

O FOGO ORIGINADOR

DO AMOR

E A ORIGEM DO FOGO

DO AMOR.

CONHEÇAM-ME,

EU QUEIMO EM VOSSOS

CORAÇÕES APAIXONADOS

PELOS SERES QUE

ESTÃO ACIMA

DAS MATERIAIS COISAS

EM VOSSAS ALMAS.

CONHEÇAM-ME,

SOU O VOSSO PAI,

SOU O VOSSO ÚNICO DEUS

E APENAS PEÇO

QUE AMEM,

QUE SE INCINEREM

AMANDO,

QUE ME CONHEÇAM

AMANDO.

E,

ASSIM,

VÓS PODEREIS COMPREENDER

QUE EU ROMANTIZO

A VOSSA EXISTÊNCIA

E A EXISTÊNCIA

DE TODAS AS COISAS

NA TERRA,

ACIMA DA TERRA

E ABAIXO DA TERRA.”


Inominável Ser

CADA VEZ MAIS

CONHECENDO

AO VERDADEIRO

ROMÂNTICO DEUS








0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Florbela Espanca,

Todas As Flores, Todas As Formas Amadas

08:07:00 Inominável Ser 0 Comments


Recinto de sonhos largos,

um espaço aguardado

pelos pensamentos românticos

de poetisas e bardos.


Espero ao lado

de Florbela em um

lânguido lago

pelo recinto que me será dado.


Anos passados,

anos futuros,

Florbela aqui,

Florbela sempre aqui.


Anos futuros,

anos do agora,

Florbela sussurrando,

Florbela inspirando.


Princesa Das Flores,

Florbela me dá versos,

Florbela me dá rimas,

Florbela me dá poéticos atos.


Rainha Da Primavera,

Florbela dança,

Florbela canta,

Florbela encanta.


Poético Espírito,

Florbela recita

versos advindos

de bem longe...


Poética Inspirada,

Florbela recita

versos advindos

do País Da Poesia...


Poética Inspiradora,

Florbela recita

versos advindos

do Lago Dos Amores...


Poética Verbalizadora,

Florbela recita

versos advindos

do Verbo Amar...


Eu amo,

tu amas,

ele ama,

Florbela.


Nós amamos,

vós amais,

eles amam,

Florbela.


Conjuguemos romances,

Princesa Alento,

Primavera E Felicidade,

Primavera E Realidade.


Conjuguemos romances,

Princesa Alento,

Primavera E Fortaleza,

Primavera E Realeza.


Conjuguemos romances,

Princesa Alento,

Primavera E Certezas,

Primavera E Jardins.


Em nosso jardim,

amada inspiradora Florbela,

brancas flores para a nossa

existencialidade...


Inominável Ser

NO ROMÂNTICO

JARDIM

DA MÃE PRIMAVERA








0 Românticos Aqui Se Revelaram:

Angústia,

Exclusivamente Para A Minha Marla Singer

09:19:00 Inominável Ser 4 Comments




Aproveito o silêncio agora nesta

cidade de aço e pedras

e ferro e cinzas aladas

para escrever-te esta

poética prosa,

uma conversa entre nós dois,

eu que sou poeta

por ti apaixonado

e você que é a minha

musa atual que

talvez me ame.

Sei que você talvez

não vai ler

estes versos destinados

ao seu coração,

mesmo assim

vou escrevendo e sonhando

com um pouco da sua

atenção.

Você me trata mal

e nem sequer gosta

que eu te toque mais.

Você não anda

de mãos dadas

comigo na rua.

Você nunca me dirá

eu te amo”,

isso eu sei,

assim como também sei

que nunca direi

que não te amo...

Isso tudo está aqui,

em minha linguagem

no corpo

e nos lábios,

sofro muito pela sua

distância

e oro muito pela sua

reaproximação...

Angustiado nesta cidade

que me sufoca,

neste antro

que me afoga,

cheio de dívidas

e amontoado de problemas

estou,

e,

nem mesmo assim,

tenho de você

a máxima atenção merecida...

O silêncio dó,

é um ai que mastiga

a estrutura singular

da minha vidinha,

uma vidinha triste

e sem saída

para uma melhora...

Muito estou a pedir

a você?

Sim,

é muito,

você é diferente,

não gosta de romantismo,

não está acostumada

a palavras bonitas

e nem sequer a um

carinho.

É uma mulher

inimiga das mulheres

do tempo romântico

mui antigo,

você bebe,

você fuma,

você assiste filme pornô,

você xinga,

você grita...

Porém,

eu te amo mesmo assim,

minha Marla Singer,

jamais busquei

A Mulher Perfeita”,

apenas busquei,

sempre,

uma companheira

para os meus dias

de tristezas

e mais tristezas...

Meu coração está ficando

cada vez mais dolorido

e a fumaça do seu cigarro

e o cheiro da cachaça

em seus lábios

me desafiam...

Mesmo assim,

mesmo sendo assim,

afirmo ao mundo que me

conhece

que eu te amo,

que eu te quero,

que eu te desejo!

Sim,

eu te amo,

Marla,

minha Marla...

Te quero

como nunca quis

nenhuma outra

antes...

Te desejo

como nunca desejei

outra

antes...

Infelizmente,

porém,

parece que mais você

se afasta,

seus pensamentos estão

longe,

seu corpo está

longe,

até seu coração,

talvez,

esteja longe...

Eu estou perto de

você

e sinto que estou

a te perder...

Vou me matar?

Vou morrer?

Vou me desesperar?

Vou do mundo desaparecer?

Vou parar de estudar?

Vou parar de trabalhar?

Vou parar de escrever?

Vou parar de poetizar?

Vou parar de romantizar?

Não,

eu vou apenas

dentro do silêncio angustiante

de minha alma,

chorar muito em uma

madrugada

e acordar refeito

de mais uma

amorosa amarga decepção

em uma manhã ensolarada.

Tenho os meus defeitos,

a minha dureza

que surge um pouco,

meu egoísmo,

minha arrogância,

minha prepotência,

meu esnobismo,

minha nada simpática

social figura,

mas ao escrever

e ao poetizar

me transfiguro

em quase um Anjo

e um Deus Elevadíssimo,

as mesmas sensações

que tenho

ao beijar-te,

tocar-te

e penetrar-te

em nossos momentos

de romances por inteiro,

mas não sou

de chorar

e não vou chorar

se você me

abandonar

qual um cão moribundo

refastelado

na calçada imunda

de uma rua escura.

Não vou chorar,

não,

minha Marla,

não vou não

e este não é

o signo aperfeiçoado

da vontade ferrenha

que possuo

em não me deixar

abater pelos reveses

desta minha

CrazySexyCool

angustiante existencialidade.

Posso ser romântico,

mas não sou fraco,

minha Marla.

Se não quer mais ficar

comigo,

tudo bem,

que Deus te abençoe

e que tu encontres

o seu Tyler Durden

e sejas com ele

muitíssimo feliz.

Quem sabe,

um dia,

eu não encontre uma mulher

que me ame

de verdade?

Ah,

para quê escrevi

esta prosa?

Você não vai lê-la

mesmo...

Como não lê

o meu sofrimento...


Inominável Ser

ETERNIZANDO

UMA POÉTICA PROSA

PARA ALGUÉM

E

PARA NINGUÉM








4 Românticos Aqui Se Revelaram: