Extremos Que Ingres Romantizaria



 Tiffany Days



Tara por tara

Entre versos irados

Verbo por verbo

Neste Romance Carnal 


Se lá fora tem tudo 

Aqui no leito tem

Mais do que o todo 

Mais do que o mundo 


Aqui tem uma mulher

Que preenche tudo

Exageradamente senhora 

Do leito onde reina


É um reino onde 

Me submeto ajoelhado 

À opulência de curvas

Engolfando-me a poesia 


Em contato com tal energia 

Fico assim por escrever 

Esta ode física a uma

Musa de místicas curvas


Pois as maiores bruxas

As maiores feiticeiras 

As maiores magas

São mulheres como esta


Mulheres que fazem 

Um poeta ocupado 

Com ébrios romances

Ocupando a alma


Mulheres que jazem

Entre os valores encontráveis

Nas calorosas noites 

Nas gélidas noites 


Mulheres que tem carne 

Mais do que suficiente 

Para inspirarem artes

Eternas abundantes 


Deixo aqui a minha arte

Uma poética escrita humilde 

Honrando Musa assim

Tão gloriosa farta


Musa digna de uma peça 

De Ingres para além 

Dos desérticos museus 

Das desérticas exposições 


Musa digna da coleção 

De Eternas Musas Maiores

Para a pública apreciação 

Dos Poetas Da Carne 


Inominável Ser 

UM POETA

DA CARNE

PARA UMA MUSA

DE EXTREMA

ARTE 



0 Comentários:

Romântico?



Inomináveis Saudações a todos vós, Românticos Do Mundo!

Romântico Inominável? Amores? Paixões? Aqui, Veremos Se Este Inominável Ser, Coveiro, Jardineiro, Louco E Muito Mais, Pode Ser Romântico Inominavelmente...

Afinal de contas, por que um Ser que é Coveiro, Jardineiro, Lacrimoso Não-Deus, Batedor De Asas, Filho De Lilith Na Poesia e Senhor Do Próprio Mundo não seria Romântico?

Pratiquem aqui neste blog um navegar pelas românticas paragens deste Inominável Ser que vos fala!

Saudações Inomináveis a todos vós, Românticos Do Mundo!




O Romântico Inominável

Minha foto
Nos Infernos, O Abismo
Powered By Blogger

Prêmios

Recebido do blog Atrevida:
Recebido do blog A LOBA DE RAY BAN:
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape